Inglês

Conheça informações sobre o hospital Inglês. A instituição fica na região central de São Paulo, mais especificamente na região da Bela Vista. Além disso, atende excelentes planos de saúde presentes no mercado nacional e renomados por muitos, que oferecem para os clientes o melhor custo-benefício do mercado, tais como: Amil, Unimed, Notredame Intermédica, Bradesco Saúde, Trasmontano Saúde, Ameplan e Allianz Saúde.

Conheça a história do Hospital Inglês

O Hospital Inglês oferece para seus clientes e familiares uma estrutura planejada especialmente para as pessoas que que passam por tratamentos de medula óssea.

Durante o dia, todo o tratamento é realizadovwqw2aq dentro da área do hospital, com equipamentos da melhor qualidade possível e profissionais extremamente capacitados para cuidar de quem recebeu o transplante.

Quando o paciente não estiver no processo de tratamento, ele poderá cuidar de sua recuperação no flat hospitalar, que são apartamentos individuais que oferecem para os beneficiários todo o conforto e privacidade necessários, além de proporcionar acompanhamento da equipe de médica 24 horas por dia.

As pesquisas do hospital inglês demonstram para os pacientes que este modelo único da instituição reduz as complicações pós-transplante, e também diminuem o risco de infecções, melhoram as condições de recuperação dos pacientes e trazem um maior conforto para os transplantados e suas famílias.

Saiba informações sobre a Unimed

A Unimed é uma operadora cooperativa que teve sua criação com o objetivo de proporcionar para o seu beneficiário uma opção a mais na área de assistência médica, que seja útil e atenda as necessidades da população. Além disso, trabalha de uma forma que valorize o desempenho dos profissionais e é tem seu foco especialmente na satisfação de todos os seus clientes. Com isso, a operadora adotou um sistema de cooperativa.

Em dezembro de 1967, na cidade de Santos (litoral de São Paulo), surgiu a primeira Unimed, e junto a ela surgia o Cooperativismo do serviço médico, serviço nunca visto antes no Brasil e no mundo. Na época da ditadura militar, a atitude dos 30 médicos pioneiros foi determinada e perigosa, já que era óbvio que a saúde pública no país necessitava de melhorias e passou a bater de frente com outras empresas que prestavam serviços, porém, essas trabalhavam com um foco maior em lucro e menor na área da saúde.

A cooperativa adotou uma forma forma de administrar em que os próprios médicos gerenciam os serviços que prestam, sem necessitar do serviço de terceiros. Sendo assim, a população logo teve a percepção de que havia mais vantagem se contasse com qualidade no atendimento, o que tornou legitima a operadora Unimed e proporciona para seus beneficiários e parceiros recursos para que houvesse atuação em outras cidades.

A partir daí, em poucos meses, muitas novas Unimed’s foram inauguradas e, após dez anos da primeira sede, passou a a existir ​ 60 em ao todo no país inteiro. Pouco tempo depois, também tiveram início o surgimento de federações e confederações, que tornavam padrão todos os procedimentos de operação, além do estimulo de troca de experiências entre as Unimeds.

Atualmente, a operadora Unimed é uma das principais prestadoras de serviços na área de convênios médicos no país, com 360 cooperativas e presente em 83% do território nacional.

Conheça a equipe médica do Hospital Inglês

Prof. Dr. Frederico Luiz Dulley

O doutor Frederico fez residência em uma clínica médica de hematologia e oncologia no Hospital de Clinicas da Universidade Federal do Paraná de 1979 até 1982.

Além disso, ele foi chefe do serviço na área de transplante de medula óssea com disciplina em Hematologia, no Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo.

Trabalhou como supervisor médico na realização de mais de dois mil e quinhentos transplantes de medula óssea no Hospital das Clínicas. Ele também tem experiência há de mais de 30 anos em transplantes de medula óssea.

Foi professor na disciplina de Hematologia e Hemoterapia na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

Foi médico de transplante de medula óssea no Hospital São Camilo na Pompéia (São Paulo-SP), onde em conjunto com a sua equipe médica realiza os transplantes de medula óssea, em uma unidade construída especialmente para este tipo de procedimento, com uma equipe fixa de enfermagem e altamente qualificada nos atendimentos.

Participou de uma equipe especializada no atendimento de pacientes que possuíam doenças hematológicas, oncológicas e nas que tem a necessidade da realização de transplante de medula óssea.

A equipe também prestava atendimento aos beneficiários que tem a necessidade de internação nos Hospitais São Camilo, Oswaldo Cruz, Bandeirantes, Sírio Libanês, Nove de Julho e IGESP.

Profa. Dra. Rosaura Saboya

A doutora se formou pela Faculdade de Medicina do ABC no ano de 1988.

Trabalhou do entre 1989 e 1991 na área médica de clínica médica no hospital Heliópolis em São Paulo. Fez ainda o curso de residência médica na área de hematologia e hemoterapia no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP estando presente nos anos de 1992, 1993, 1994.

No ano de 1994 foi assistente médica no serviço de transplante de medula óssea do Hospital das Clínicas, tendo sua participação através da USP, onde pôde participar da realização de mais de 2500 transplantes de medula até o ano de 2013.

Fez a defesa de seu doutorado em transplante de medula óssea disciplina de hematologia da USP no ano de 1998 com o tema “Infecções no Transplante de Medula Óssea”.

A doutora participa efetivativamente atendendo a pacientes internados em hospitais como: São Camilo, Oswaldo Cruz, Bandeirantes, Sírio Libanês, Nove de Julho e IGESP. Rosaura ainda seguiu como médica chefe do ambulatório de TMO do Hospital das Clínicas de São Paulo no período entre os anos de 2009 a 2013.

Hoje trabalha como professora colaboradora de Hematologia da Faculdade de Medicina da USP. Além disso, trabalha na diretoria do hospital como diretora técnico-científica de Transplante de Medula Óssea.

Dra. Maria Cecília Cordeiro Lima

A doutora Maria Cecília se formou na área de Medicina pela UFPB no ano de 2007. Ela também foi residente na área de Hematologia e Hemoterapia pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo no período de Janeiro de 2010 até o mês de Janeiro de 2012.

Após isso, realizou estágio no serviço de Transplante de Medula Óssea do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, entre Fevereiro de 2012 até Janeiro de 2014.